Ideb: Espírito Santo tem o melhor resultado na avaliação do Ensino Médio

Ideb total capixaba, que inclui escolas estaduais, federais e privadas, chega a 4,8. No entanto, meta estipulada, que era de 5,3, não foi alcançada.

Ideb: Espírito Santo tem o melhor resultado na avaliação do Ensino Médio
Os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgados nesta terça-feira (15) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), mostraram que a avaliação do Ensino Médio no Espírito Santo avançou em 2019, na comparação com a análise anterior, que foi feita em 2017. E quando se observa o Ideb total, que inclui escolas públicas e privadas, o Espírito Santo tem o melhor desempenho do Brasil, ao lado do estado de Goiás.

Conforme os dados apresentados pelo secretário de Estado da Educação, Vitor de Angelo, durante coletiva de imprensa, o Ideb total do Ensino Médio capixaba subiu de 4,4 para 4,8. Já o Ideb da rede pública estadual passou de 4,1 para 4,6, sendo o segundo melhor desempenho do Brasil.

Mesmo com o crescimento, o estado capixaba não alcançou as metas estabelecidas para os dois indicadores, que eram de 5,3 para o Ideb total e de 4,7 para o Ideb público estadual. O Ideb da rede privada também avançou de 6,1 para 6,3, mas não atingiu a meta de 6,9.  

O Ideb foi criado em 2007 para monitorar o desempenho da educação no Brasil. Ele reúne, em um só indicador, os resultados de duas dimensões de qualidade da educação: o fluxo escolar e as médias de desempenho nas avaliações. O índice é calculado a partir dos dados sobre aprovação, obtidos no Censo Escolar, e dos resultados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb).

 
Avaliação positiva

Para o governador  Renato Casagrande, o resultado demonstra que o Estado está no caminho correto e enfatizou a importância das diretrizes do Governo na melhoria da qualidade do ensino.

"Para nós é um dia especial, pois o Espírito Santo está em primeiro lugar, junto com Goiás, em relação ao Ensino Médio do Brasil. Juntando todas as escolas privadas e públicas, estamos em primeiro. Um dado muito importante e queria agradecer a toda comunidade escolar, nossa equipe da educação e todos os servidores. As diretrizes do governo no que é essencial, como a luta pela inclusão e a diminuição da evasão, a melhoria da qualidade do ensino e da infraestrutura, foram fundamentais para alcançarmos esses números”, disse.

 

Ideb de Linhares

O Ideb do Ensino Médio da rede pública de Linhares subiu de 4,5 para 4,6, mas não atingiu a meta, que era de 4,7.




COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA